Serviços

A Resende Contabilidade e Planejamento Municipal desenvolve principalmente os serviços contábeis inerentes ao controle das demonstrações patrimoniais do município, a seguir definidos:

 

  • Execução Orçamentária

    Desenvolvimento de todo processo de contabilização das receitas e das fases da despesa, prestados mensalmente, através de sistema informatizado, gerando através dele todos os relatórios e controles obrigados pela: Constituição Federal; Lei nº 4.320/64; Lei Complementar nº 101/00 (Lei de Responsabilidade Fiscal); Lei nº 9.426/96 (Lei do FUNDEF); Lei nº 8.666/93 (Lei das Licitações e Contratos); e pela legislação e normas emanadas da ação do controle externo exercido pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Incluindo-se além das demonstrações mensais, também, o encerramento do exercício através da prestação de contas anual.

  • Elaboração da Tríade Orçamentária

    Planejamento, desenvolvimento e acompanhamento do Plano Plurianual (PPA), da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e da Lei Orçamentária Anual (LOA).

  • Análise de Gestão

    Com conceito relativo ao da auditoria publica, a análise de gestão avança pelo melhor resultado na medição das atividades emanadas da administração. Analisa em tempo a real situação que se encontra as ações da gestão, permitindo ao gestor, se necessário, corrigir os rumos da sua administração pondo nos “trilhos” as atitudes que por ventura não tenham sido desencadeadas conforme obriga a legislação em vigor. Analisa, desde os procedimentos da arrecadação ao cumprimento das fases da despesa, da emissão, registro e guarda dos atos públicos até sua legal aplicação.

  • Defesas às Notificações mensais e anuais

    Correntemente o Tribunal de Contas dos Municípios emitem relatórios mensais sobre as contas entregues a sua Inspetoria Regional, dando o prazo de quinze dias para apresentação da defesa. Da mesma forma procede, quanto as contas anuais, cuja análise gera a emissão de diligência anual e detém prazo de vinte dias para apresentação de defesa, sob pena de expedição de parecer opinativo para sua rejeição. Também, assim procede o Tribunal de Contas do Estado que analisa a prestação de contas dos convênios recebidos pelo Município expedindo solicitação de esclarecimentos quanto a possíveis irregularidades ocorridas na aplicação de tais verbas.

  • Consultoria para o Controle Interno

    Conforme legislação em vigor, toda aão da administração publica deve ser precedida da análise de uma “Controladoria Pública” que analisa a sua legalidade, principalmente, a aplicação dos recursos públicos.

    A nossa consultoria objetiva intensificar a controladoria interna, orientando e acompanhando os trabalhos do setor para, conseqüentemente, evitar a possibilidade de irregularidades nas contas municipais e assim aborrecimentos futuros.

  • Consultoria para a Comissão Permanente ou Especial de Licitação

    O processo licitatório é impressindível na Administração Pública. A análise das ações do setor de licitação e contratos deve ser realizada mediante criterioso processo, viabilizando assim maior segurança na realização das despesas advindas do certame licitatório, por isso, damos a maior atenção ao trabalho pré-despesa, para que a Administração tenha uma maior segurança.

  • Auditorias Governamentais

    Auditoria de Gestão

    Tem o objetivo é emitir opinião com vistas a certificar a regularidade das contas, verificar a execução de contratos, convênios, acordos ou ajustes, a probidade na aplicação dos dinheiros públicos e na guarda ou administração de valores e outros bens da União ou a ela confiados.

    Auditoria de Programas

    Tem o objetivo de acompanhar, examinar e avaliar a execução de programas e projetos governamentais específicos, bem como a aplicação de recursos descentralizados, compreendendo, entre outros.

    Auditoria Operacional

    Seu objetivo consiste em avaliar as ações gerenciais e os procedimentos relacionados ao processo operacional, ou parte dele, dos Órgãos ou Entidades da Administração Pública, programas de governo, atividades, ou segmentos destes, com a finalidade de emitir opinião sobre a gestão. A filosofia é de apoio, procurando auxiliar a administração na gerência e nos resultados, por meio de recomendações que visem aprimorar procedimentos, melhorar os controles e aumentar a responsabilidade gerencial.

    Auditoria Contábil

    É a técnica que, utilizada no exame dos registros e documentos e na coleta de informações e confirmações, mediante procedimentos específicos, pertinentes ao controle do patrimônio de um órgão ou entidade, objetiva obter elementos comprobatórios suficientes que permitam opinar se os registros contábeis foram efetuados de acordo com os princípios fundamentais de contabilidade e se as demonstrações deles originárias refletem, adequadamente, a situação econômico-financeira do patrimônio, os resultados do período administrativo examinado e as demais situações neles demonstradas.

    Auditoria de Sistemas

    Tem como objetivo assegurar a adequação, privacidade dos dados e informações oriundas dos sistemas eletrônicos de processamento de dados, observando as diretrizes estabelecidas e a legislação específica.